Governo do Amazonas paga 5ª parcela do Auxílio Estadual Permanente no dia 15 e injeta R$ 42 milhões na economia

Programa gera emprego e renda nos 62 municípios e combate efeitos sociais da pandemia

A quinta parcela do Auxílio Estadual Permanente, programa criado pelo governador Wilson Lima para combater os impactos sociais e econômicos da pandemia da Covid-19, será paga na terça-feira (15/03). O benefício gera um crédito de R$150 para, aproximadamente, 279 mil famílias e a circulação de quase R$42 milhões na economia dos 62 municípios do Amazonas.

O primeiro pagamento do Auxílio Estadual Permanente aconteceu em novembro. Depois foram creditados, sempre no dia 15, os valores dos meses de dezembro, janeiro e fevereiro. Com o pagamento da quinta parcela, o investimento em cinco meses chegará na casa dos R$210 milhões.

O programa foi criado como uma resposta do Governo do Estado aos impactos sociais trazidos pela pandemia para as famílias que perderam emprego e renda. O Auxílio Estadual permanente garante mensalmente o recurso para a compra de uma cesta básica, ao mesmo tempo em que incrementa a economia dos 62 municípios.

Próxima etapa - As entregas do cartão do benefício foram encerradas no dia 28 de fevereiro. Restaram 21.498 cartões a serem retirados. O governador Wilson Lima anunciou que, a partir de abril, haverá uma nova chamada para o Auxílio Estadual Permanente. O objetivo é bater a meta de 300 mil beneficiários, assegurando comida na mesa dos amazonenses.

“A partir de abril nós vamos redistribuir 20 mil cartões do Auxílio Estadual Permanente para aquelas pessoas que estão na fila de espera, são aquelas pessoas que fazem parte do CadÚnico, que é aquele cadastro do Governo Federal que mede a condição socioeconômica de cada cidadão”, disse.

 

FOTOS: Arquivo | Roberto Carlos/Secom e Miguel Almeida/Seas


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem